O que é a Acne da mulher madura

13-05-2013-185352-90084264istock

Quem disse que a acne é um problema típico de adolescentes? Muitas mulheres que sempre tiveram a pele lisinha e sem manchas se queixam que passaram a ter o problema depois que ficaram mais velhas. Mas qual será a razão para isso? De acordo com o dermatologista Fernando Freitas, a “acne da mulher madura” é mais comum do que se imagina e surge principalmente em decorrência de alterações hormonais.

O que é a acne da mulher madura e quais são as causas?

A acne da mulher adulta (madura) caracteriza-se por um quadro que surge apenas na idade adulta, ou ser resultado da persistência da acne juvenil, e que surge em decorrência de alterações hormonais devidas a disfunções ovarianas (a mais frequente é a síndrome dos ovários micropolicísticos), alterações das glândulas supra-renais ou um aumento da sensibilidade da pele aos hormônios androgênicos (masculinos),responsáveis pelas manifestações da doença.

Em que faixa etária se manifesta com mais frequência?

Normalmente encontramos com maior frequência nas mulheres entre 20 e 30 anos, não excluindo jamais a possibilidade de encontrarmos em outras idades.

Que regiões do rosto são mais afetadas?

Clinicamente as lesões costumam ser mais profundas, formando pequenos nódulos avermelhados e doloridos. As áreas comumente mais atingidas são queixo, mandíbulas e pescoço.

O problema pode surgir depois do nascimento dos filhos ou mulheres que ainda não são mães também podem ter?

Ambas as possibilidades são válidas, não havendo prevalência significativa.

A alimentação pode influenciar? Nesse caso, o que comer e o que evitar?

A alimentação sempre entra como um importante fator de acentuação, jamais como causa base. Alimentos mais gordurosos tendem a prejudicar o problema.

Como deve ser o tratamento?

Tratamentos de uso tópico e às vezes havendo necessidade até de uso sistêmico, sempre estarão indicados. Antibioticoterapia muitas vezes torna-se necessária. Mas sempre lembrar da necessidade da confirmação em relação à influência com base hormonal.

É preciso que a mulher passe também por um ginecologista para apurar se o problema tem causa hormonal?

Confirmada a influência hormonal na causa do problema, um ginecologista deve ser indicado. O tratamento pode ser feito com determinados tipos de contraceptivos orais, principalmente os que contenham componentes que atuem contra o hormônio masculino (anti-andrógeno) ou bloqueadores dos receptores hormonais, que impedem a ação do hormônio sobre a pele.

É verdade que o uso de pílula anticoncepcional costuma acabar com a acne na mulher madura? Por quê?

Na verdade o contraceptivo costuma na maioria das vezes amenizar bastante o problema. Outros tratamentos associados podem ser necessários. Dependendo do grau de acometimento, pode haver necessidade do uso da isotretinoína, medicação mais potente e que requer maiores cuidados.

O que vem por aí

Vários equipamentos usados para tratamentos estéticos lá fora devem chegar ao Brasil em breve. Um deles é o ACLEARA®, o mais novo aliado contra a acne e que será trazido pela MEDPRO, empresa brasileira líder no setor de importação e distribuição de produtos de altíssima tecnologia para o segmento de dermatologia e cirurgia plástica.

Trata-se de uma luz pulsada que usa um vácuo para trabalhar a redução dos poros e da oleosidade, ajuda na despigmentação e limpeza da pele.

Cada sessão dura só dez minutos e pode ser feita semanalmente. Em duas ou três sessões já é possível ver o resultado. E um detalhe importante: a ponteira é de uso individual trazendo assim mais segurança aos pacientes e médicos.

Cada sessão dura apenas 10 minutos e o tratamento é indicado para todos os tipos de pele, reduzindo poros e oleosidade e promovendo a limpeza da pele.

Fonte: http://chrisflores.net/beleza/6/materia/3014/cuidados-com-a-pele.html

Deixe uma resposta e comente!

*

2012 © Todos os Direitos Reservados para Dr. Fernando FreitasCriação e Desenvolvimento por Raul Tavares